Buscar
  • espmrio

Um plano para "não deixar ninguém para trás"

Atualizado: 22 de Nov de 2020

________




Em setembro de 2015, os 193 Estados-membros da ONU, entre eles o Brasil, adotaram o documento “Transformando o Nosso Mundo: A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável”, que norteia medidas ousadas e transformadoras para promover o desenvolvimento sustentável pelos 15 anos seguintes. Pelas palavras do Secretário-Geral da ONU, António Guterres, “A Agenda 2030 é a nossa Declaração Global de Interdependência”.


Trata-se de um plano de ações para pessoas, governos, empresas, academia e sociedade que busca fortalecer a paz mundial. São objetivos e metas para que cada país busque erradicar a pobreza e promover uma vida digna para todos dentro dos limites sustentáveis. O lema da Agenda 2030 é "não deixar ninguém para trás".


Esse plano toma forma nos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e suas 169 metas. Eles são o núcleo da Agenda, integrados e indivisíveis, e mesclam, de forma equilibrada, as três dimensões do desenvolvimento sustentável: econômica, social e ambiental. A Agenda 2030 e os ODS combinam os processos dos Objetivos do Milênio e os processos resultantes da Rio+20, tendo inaugurado uma nova fase para o crescimento dos países, integrando todos os componentes do desenvolvimento sustentável.





A Agenda 2030 visa estimular e apoiar ações nas cinco áreas cruciais para a humanidade: Pessoas, Planeta, Prosperidade, Paz e Parcerias. Isso só será possível pelo cumprimento dos ODS por parte de todas as esferas da sociedade, engajando a todos na construção do futuro que queremos.


Entre os 193 Estados-membros das Nações Unidas, o Brasil ocupa a posição de número 53 em um ranking de desenvolvimento sustentável, conforme Relatório de Desenvolvimento Sustentável (SDR) 2020 divulgado no último mês de julho. Este documento, publicado pela Cambridge University Press, foi liderado pelo Professor Jeffrey Sachs, e escrito em conjunto com uma equipe de especialistas independentes que trabalham na Rede de Soluções de Desenvolvimento Sustentável (Sustainable Development Solutions Network "SDSN") e Bertelsmann Stiftung. Confira o documento completo, em inglês, aqui.


________

123 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo